Promoções do Dia - SUBMARINO

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Cadeia Alimentar





Tema: Cadeia Alimentar
Professor de Biologia: Dorival Filho
Fonte: CHONPSBIO (Canal youtube)


A aula de hoje é a respeito de cadeia alimentar meus queridos alunos cadeia alimentar representa um fluxo de energia dos ecossistemas ela está fundamenta em duas
leis que não são nem as leis da Biologia, são leis da física.
A primeira lei é a que diz que a energia não recicla, não existe uma reclicagem de energia, a energia sempre flui a matéria sem cicla, mas a energia não, veja que em ecologia você estuda o ciclo da água, o ciclo do carbono, o ciclo do nitrogênio, porque quem cicla é a matéria a energia não cicla a energia flui, ela de um ponto a outro. Então essa é a nossa primeira lei a energia flui não cicla, a nossa segunda lei que também vem da física vem da termo dinâmica é que nos ensina é que não há nada que aproveite 100% da energia, uma parte sempre será perdida, um carro por exemplo sempre perde energia. O homem, por exemplo não aproveita 100% da energia que você consome uma parte inevitavelmente você perde então nós vamos começar a analisar a cadeia alimentar, e em nenhum momento esquecer das duas leis. primeiro a energia flui e segundo não há como aproveitar 100% da energia. Para entender corretamente o que é cadeia alimentar vamos começar falando de seus componentes uma cadeia alimentar tem 3 componentes.
o primeiro são os produtores, os produtores são os organismos autrotofos, e por favor não diga simplesmente que autrotofos são aqueles que produzem o seu próprio alimento, vamos dar uma melhor definição para isso, ou seja, um pouco mais química para isso. Quando falar que um organismo é autrotofo significa que ele consegue usar o CO2(O Gás Carbonico), como fonte de carbono para fazer matéria organica. Então veja
autrótofo é quem utiliza o Gás Carbónico, como fonte de carbono para fazer matéria orgânica, os orgânismos podem ser autrótofos de 2 jeitos, ou pela fotossíntese ou pela quimiossintese (...)
A diferença da Fotossíntese para quimiossintesse é vem da luz ... e na quimiossintese a energia necessária para converter gás carbonico em matéria orgânica vem de uma reação química, então vejam o primeiro componemte de uma cadeia Alimentar é o produtor e ele é sempre autrótofo pela fotossíntese ou quimiossintese, é claro que para a maioria das alimentares do planeta é por fotossíntese, mas no fundo dos mares onde a luz não chega existem cadeias alimentares que são mantidas com bactérias autótrofas por quimiossintese.
O segundo componente de uma cadeia alimentar são os consumidores, eles são heterótrofos isso significa que eles precisam comer uma matéria orgânica já pronta, porque eles não dão conta em desenvolver matéria orgânica em gás carbônico em matéria orgânica. Então os consumidores são como nós animas, nós somos consumidores de uma cadeia alimentar porque nós consumimos uma matéria orgânica já pronta, nós não conseguimos converter um composto inorgânico que é o gás carbônico em orgânico.
O Terceiro e último componente de uma cadeia alimentar são os decompositores, os
decompositores também são heterótrofos e eles prestam serviço fantástico para os
ecossistemas porque os decompositores degradam a matéria orgânica morta ele decompõem
a matéria orgânica morta .. presentes em caveis, uma abelha que caiu no chão, um galho, etc ... E atenção quando ocorre a decomposição ocorre a liberação de matéria inorgânica no solo então a decomposição enriquece o solo com compostos inorgânicos e olhe os grandes decompositores da natureza são as bactérias e os fungos.

Analise de uma pequena cadeia....

Quando o rato come o capim, o capim passa energia para o rato, quando a cobra come o rato; a energia do rato passa para a cobra .... E quando quando o gavião come a cobra;a energia da cobra passa para o gavião. Lembre-se de que cadeia alimentar representa o fluxo de energia por isso a seta está indo do capim, para o rato, do rato para a cobra e dela para o gavião. Esse é o sentido da seta, porque esse é o sentido da energia ... Note também que ratos, cobra e gavião são cosumidos (...) isso não ajuda a diferencia-los (...) Existem uma conversão que diz que o rato será o consumidor primário, a cobra o secundário e o Gavião o Terciário porque ele está comendo o produtor. Se você ficou atento deve ter percebido que os decompositores não estão representados, se houve nesse esquema decompositores apareceriam bactérias e fungos. E atenção bactérias e fungos na posição de decompositores, deveriam receber uma seta de todos os menbros da cadeia alimentar, teria que ter uma foto do Capim, rato, cobra e gavião. Todas indo a bactérias e fungos, porque um dia todos vão morrer e vão passar para a mão dos decompositores uma outra maneira de nos referimos aos componentes da matéria alimentar é pelo termo nível trófico.
Nível trófico, que a rigor significa nível de alimentação, isso significa o seguinte o produtor que está na base da cadeia, está no primeiro nível trófico, (...) segundo nível trófico é o cosumidor primário (..) " Assim vai até o terceiro cusumidor" Isso exige atenção porque a contagem de nível trófico começa do produtor (...) desta forma o valor do nível trófico será sempre um a mais do que o do consumidor. Por exmplo, se o consumidor é primário o nível trófico é o segundo (...) outro ponto que você deve ficar atento é que o decompositor ocupa vários níveis tróficos ao mesmo tempo. (...) o decompositor só NÃO ocupa o primeiro
nível trófico por ele não é autrótofo, não é produtor (...) Quando uma cadeia se ramifica ela vira uma teia alimentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

Seguidores