Promoções do Dia - SUBMARINO

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Questões - Unirio - 2009 - resolvidas



Mitose é o processo pelo qual as células eucarióticas dividem seus cromossomas entre duas células filhas. Este processo dura, em geral, 90 a 120 minutos e é dividido em quatro etapas: profase, metafase, anafase e telofase. É uma das fases do processo de divisão celular ou fase mitótica do ciclo celular.

Comparações entre a mitose e a meiose
Ver artigo principal: meiose
A mitose ocorre em todas as células somáticas do corpo e, por meio dela, uma célula se divide em duas, geneticamente semelhantes à célula inicial. Assim, é importante na regeneração dos tecidos e no crescimento dos organismos multicelulares. Nos unicelulares, permite a reprodução assexuada.

Já a meiose, nos seres pluricelulares, só ocorre em células germinativas, com duas divisões sucessivas. A célula-mãe se divide em duas, que se dividem de novo, originando quatro células-filhas (três células-filhas no caso da oogénese) com metade dos cromossomos da célula inicial: são os gametas, geneticamente diferentes entre si.






RESPOSTA CORRETA LETRA (D)










RESPOSTA CORRETA LETRA (C)

Heterotrofismo ou heterotrofia, em biologia, é o nome dado à qualidade do ser vivo que não possui a capacidade de produzir o seu alimento a partir da fixação de dióxido de carbono e por isso se alimenta a partir de outros compostos inorgânicos ou orgânicos. É o contrário de autotrofismo.
São heterotróficos todos os animais, a maior parte dos protistas (exceto algumas algas), a maioria dos fungos e algumas plantas (apenas parcialmente e de forma muito limitada).


Autotrofismo ou autotrofia (grego trofein, alimentar-se), em biologia, é o nome dado à qualidade do ser vivo de produzir seu próprio alimento a partir da fixação de dióxido de carbono, por meio de fotossíntese ou quimiossíntese. É o oposto de heterotrofismo. Os seres vivos com essa característica são chamados de autótrofos ou autotróficos.





Anaeróbio é uma palavra técnica que significa literalmente sem ar e se opõe a aeróbio. A presença ou ausência de ar( oxigénio -O2) ou, mais precisamente, a presença ou ausência de oxigénio no ar, afecta várias reações químicas e biológicas. As que ocorrem na ausência de oxigénio dizem-se que ocorrem em anaerobiose (no Brasil, anaerobismo).

Um exemplo é o da madeira totalmente submersa em água que não apodrece, visto que o apodrecimento é um processo que necessita de água e oxigénio.

A anaerobiose é o processo utilizado por algumas espécies de bactérias e pelas fibras musculares submetidas a esforço intenso. Esta última reação é catalisada pela enzima desidrogenase lática; nestas condições, o aporte sanguíneo de oxigénio torna-se insuficiente e a fibra muscular é submetida a uma anaerobiose relativa. Em vez de o piruvato entrar no ciclo de Krebs, há produção de lactato.

Em outros organismos, como as leveduras, o piruvato é descarboxilado, originando acetaldeído, que, servindo como aceptor dos elétrons do NADH, se reduz a etanol.






A aerobiose refere-se a um processo bioquímico que representa a forma mais eficaz de obter energia a partir de nutrientes como a glicose, na presença obrigatória de oxigênio. Os seres vivos que procedem à aerobiose são os seres aerobióticos. A maioria dos seres vivos encontram-se nestas condições. Os seres vivos que sobrevivem sem oxigénio são anaeróbios.

Reacções aerobióticas
As reacções aerobióticas são um tipo específico de um processo mais global, designado por respiração celular. Através destas reacções, a glicose é degradada em dióxido de carbono e água, libertando-se energia. É, assim, como que o processo inverso da fotossíntese, onde as plantas produzem glicose usando água, dióxido de carbono e energia solar.







RESPOSTA CORRETA LETRA (A)











RESPOSTA CORRETA LETRA (E)

Termorregulação é um termo que, em biologia, se refere ao conjunto de sistemas de regulação da temperatura corporal de alguns seres vivos (em especial, dos mamíferos e das aves). Esta regulação é exercida graças à coordenação entre a produção (termogénese) e libertação (termodispersão) do calor orgânico interno.
A termorregulação é, deste modo, um mecanismo de homeostasia, já que na presença de grandes oscilações térmicas externas, possibilita a manutenção da temperatura corporal dentro de fronteiras definidas.

O sistema sensorial que monitora e coordena a atividade dos músculos, e a movimentação dos órgãos, e constrói e finaliza estímulos dos sentidos e inicia ações de um ser humano (ou outro animal) é vulgarmente tratado de sistema nervoso. Os neurônios e os nervos são integrantes do sistema nervoso, e desempenham papéis importantes na coordenação motora. Todas as partes do sistema sensorial de um animal são feitas de tecido nervoso e seus estimulos são dependentes do meio.










ESPOSTA CORRETA LETRA (A)

Estômatos (em Portugal, Estoma) são estruturas celulares que têm a função de realizar trocas gasosas entre a planta e o meio ambiente. Está localizado geralmente na epiderme inferior (parte abaxial), evitando o excesso de transpiração devido a intensidade de luz que atinge a epiderme superior.
São estruturas constituídas por um conjunto de células localizadas na epiderme dos Traqueófitos, especialmente sobre a face abaxial das folhas, com a função de estabelecer comunicação do meio interno com a atmosfera, constituindo-se em um canal para a troca de gases e a transpiração do vegetal.
Grande parte da transpiração é efectuada ao nível dos estomas foliares, que controlam a quantidade de água perdida por transpiração, devido à sua capacidade de abrir e fechar.
Fatores que condicionam a abertura ou fechamento dos estômatos
Os estômatos abrem (há transpiração) quando no interior das células a concentração de solutos aumenta, entrando água por osmose.
Luz
A presença de luz favorece a abertura dos estomas através de mecanismos que ainda não estão totalmente compreendidos.
Um dos motivos parece ser que a presença de luz faz diminuir a concentração de CO2 no mesofilo (devido à fotossíntese).
A diminuição de CO2 aumenta o pH do meio que fica alcalino. Em ambiente alcalino enzimas envolvidas na degradação de amido são activadas, e assim aumenta a concentração de glicose no mesofilo. Este aumento de solutos solúveis faz diminuir o potencial de água, e a água entra por osmose nas células labiais, que ficam túrgidas.
A Luz Azul favorece o Transporte activo de iões K+ para as células guarda (independentemente da concentração de CO2)pelo que, o aumento da concentração de solutos, resulta na entrada de água por osmose, ficando as células labiais túrgidas.
Algumas exceções
Em plantas de metabolismo CAM, os estômatos são abertos apenas durante a noite. Desta forma, sem a influência das altas temperaturas diurnas, as plantas pouco transpiram e ainda podem executar trocas gasosas.






RESPOSTA CORRETA LETRA (B)
Artérias são vasos sanguíneos que carregam sangue a partir dos ventrículos do coração para todas as partes do nosso corpo. Elas se contrastam com as veias, que carregam sangue em direção aos átrios do coração.
O sistema circulatório é extremamente importante para a manutenção da vida. O seu funcionamento adequado é responsável por levar oxigênio e nutrientes para todas as células, assim como remover dióxido de carbono (CO2) e produtos metabólicos, manter o pH ótimo, e a mobilidade dos elementos, proteínas e células do sistema imune. As duas principais causas de morte em países desenvolvidos, o infarto do miocárdio e o ataque cardíaco, podem ser resultado direto de um sistema arterial que tenha sido lentamente e progressivamente comprometido pelos anos de deterioração (veja arteriosclerose).
Descrição
O sistema arterial é a porção de alta pressão do sistema circulatório. A pressão arterial varia entre a máxima pressão durante a contração cardíaca, chamada de pressão sistólica, e a mínima, ou pressão diastólica, entre as contrações, quando o coração descansa entre os ciclos. Essa variação de pressão nas artérias produz uma pulsação que é observável em qualquer artéria, e é um indicador da atividade cardíaca. A parede das artérias é espessa, formada de tecido muscular elástico. Artérias finas são chamadas de arteríolas. As veias são vasos que trazem o sangue para o coração.Internamente são providas de valvas que impedem o refluxo do sangue.Como artérias,também se ramificam em vasos de menor calibre,as vênulas.Tem paredes mais finas que artérias,porém seu diâmetro interno é maior

VEIA
No sistema circulatório, uma veia é um vaso sanguíneo que leva sangue em direção ao coração. Os vasos que carregam sangue para fora do coração são conhecidos como artérias.
O estudo das veias e doenças das veias é conhecido como flebologia e é uma disciplina que vem sendo desenvolvida através de uma variedade de cientistas de diferentes áreas. A American Medical Association adicionou a flebologia à sua lista de especialidades médicas auto-designadas.
Função
As veias servem para levar o sangue dos órgãos de volta ao coração. Na circulação sistêmica o sangue oxigenado é bombeado para o ventrículo esquerdo pelas artérias até os músculos e órgãos do corpo, onde seus nutrientes e gases são trocados nos capilares, entrando nas veias contendo restos celulares e dióxido de carbono. O sangue pobre em oxigênio é recolhido pelas veias e levado até o átrio direito do coração, que transfere sangue para o ventrículo direito, onde é então bombeado para as artérias pulmonares e finalmente aos pulmões. Na circulação pulmonar as veias pulmonares trazem o sangue oxigenado dos pulmões para o átrio esquerdo, que desemboca no ventrículo esquerdo, completando o ciclo da circulação sanguínea.
O retorno do sangue para o coração é auxiliado pela ação do bombeamento de músculos esqueléticos, que ajudam a manter extremamente baixa a pressão sanguínea do sistema venoso.








RESPOSTA CORRETA LETRA (B)
Condensação também conhecida como liquefação, é uma das fases em que ocorre a transformação da matéria, do estado gasoso vapor para líquido. A condensação que normalmente ocorre quando o vapor é resfriado pode ocorrer em sistemas fechados com o vapor comprimido sendo que ambas as situações dependem somente do equilíbrio entre a pressão e temperatura.
A temperatura de arrefecimento onde ocorre a condensação do vapor de água é chamada de ponto de orvalho.
Os sistemas de condensação são explorados nas refinarias em destilação e usados na transformação de energia em turbinas termoelétricas e na produção de frio criogenia .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

Seguidores